domingo, 24 de setembro de 2017

Limpeza da fachada da sede nacional da Ordem de Malta em Lisboa

No seguimento das obras de requalificação e restauro do jardim do miradouro de Santa Luzia e também dos painéis de azulejos aplicados numa das paredes laterais do edifício e que representam o Terreiro do Paço em Lisboa em data anterior ao terremoto de 1755 e o sacrifício de Martim Moniz durante a tomada de Lisboa e evidenciando as boas relações existentes entre por a Assembleia e os representantes autárquicos procedeu-se sem quaisquer custos para a Ordem de Malta ao restauro e à pintura da porta de entrada principal da Igreja bem como à limpeza da fachada principal do edifício.